Está aqui

Sociedade

Moura na lista de Aldeias Natal e Castelos Encantados a não perder

O mês de dezembro é sempre recheado de iniciativas relacionadas com o Natal e, por isso mesmo, o Sapo Viagens divulgou uma lista com algumas sugestões de Aldeias Natal e Castelos Encantados que poderão ser visitados durante esta quadra.

Desta lista faz parte o Castelo Encantado de Moura que, segundo a mesma fonte, tem à disposição dos seus visitantes vários atrativos: Comboio Encantado, pista de gelo, carrossel, Avião dos Sonhos, Balão Mágico, Aldeia dos Duendes, Casinha do Pai Natal, insufláveis e várias outras animações.

Universidade de Évora cria Sistema Inteligente para Turismo

A Universidade de Évora (UÉ) desenvolveu a Plataforma PISTA Digital, um Sistema Inteligente para o Turismo Sustentável do Alentejo e Ribatejo, pioneiro no nosso país.

De acordo com o jornal Sul Informação, a sessão de apresentação desta ferramenta pioneira vai ter lugar no próximo dia 5 de dezembro, na UÉ, e contará com a presença de Rita Marques, secretária de Estado do Turismo, Comércio e Serviços.

Elvas investe 40 mil euros em iluminação de Natal

A Câmara Municipal de Elvas anunciou que investiu cerca de 40 mil euros na iluminação de Natal deste ano, que irá estar acesa a partir de dia 7 de dezembro.

Em comunicado, a autarquia explica que “a decisão de, este ano, acender a iluminação de Natal alguns dias mais tarde prende-se com as novas diretrizes do Governo sobre a necessidade de reduzir os custos com energia e a eficiência energética, bem como com condicionalismos da empresa E-Redes, que é quem faz a ligação da eletricidade nas ruas”.

Lendias d’Encantar de Beja não recebe apoio da DGArtes

A Lendias d’Encantar, de Beja, conseguiu mais de 70% de pontuação, em 100%, no concurso de apoio sustentado às artes na área de Teatro, na modalidade quadrienal, e ainda assim não foi proposta para apoio.

De acordo com a agência Lusa, a Direção-Geral das Artes (DGArtes) divulgou, na passada segunda-feira, os resultados provisórios do concurso na área do Teatro, no qual foram propostas para apoio, na modalidade quadrienal, 48 entidades, das 55 consideradas elegíveis.

Santarém reduz impostos para 2023

A Câmara Municipal de Santarém aprovou, esta segunda-feira, a redução dos impostos municipais, numa medida que retira cerca de 820 000 euros aos cofres do município em 2023, mas que beneficia as famílias e as empresas do concelho.

De acordo com a autarquia, citada pela Lusa, os eleitos do PSD e do PS votaram favoravelmente a redução da participação variável do IRS, do IMI e da Derrama, numa votação que contou com a abstenção do vereador do Chega, por este partido entender “que se podia ir mais longe”.

PSD pede “mais urgência” nas obras de 3 escolas em Évora

O PSD pede ao Governo “maior urgência” na realização de obras de requalificação em três escolas do distrito de Évora, duas secundárias e uma básica, devido à existência de problemas estruturais nos edifícios.

De acordo com a agência Lusa, esta posição consta de um projeto de resolução subscrito por um grupo de 13 deputados do partido e apresentado na semana passada na Assembleia da República.

Castro Verde aprova quase 20M€ em Orçamento Municipal

O Orçamento para 2023 da Câmara Municipal de Castro Verde, que totaliza quase 20 milhões de euros, vai incluir a conclusão da requalificação da escola secundária e a criação da zona empresarial local.

Em comunicado, a autarquia refere que o documento foi apresentado como “proposta exigente e fiel aos compromissos públicos do Executivo”, e que está “focado numa estratégia clara para consolidar a afirmação de Castro Verde como território onde é bom viver em todos os sentidos”.

Quercus preocupada com projeto agroflorestal em Alcácer do Sal

A associação ambientalista Quercus manifestou-se preocupada com as dimensões de um projeto agroflorestal previsto para a Herdade da Batalha, em Alcácer do Sal, alertando para o aumento das ameaças e destruição da floresta autóctone.

Em comunicado, citado pela agência Lusa, a Quercus revelou que o projeto agroflorestal da Herdade da Batalha, cuja consulta pública do estudo de Avaliação de Impacte Ambiental (AIA) terminou na passada quarta-feira, tem uma “dimensão preocupante”.

Cante alentejano está vivo e “recomenda-se”

Pedro Adão e Silva, ministro da Cultura, destacou a importância da dimensão intergeracional do cante alentejano, considerando que esta arte polifónica está viva e “recomenda-se”.

O governante falava à agência Lusa a propósito da inauguração de um monumento ao cante alentejano, em Odemira, para assinalar os oito anos da classificação como Património Imaterial da Humanidade deste canto típico da região.

Sines testa reação a derrames de crude no mar

O auditório do Porto de Sines recebeu, no dia 22 de novembro, o Workshop subordinado ao tema “Prevenção e combate à poluição do mar por hidrocarbonetos”, no qual foram recordados procedimentos operacionais, técnicas de combate à poluição e a forma de articulação entre entidades e autoridades.

Páginas