Está aqui

Cultura

Évora promove encontros do seu meio artístico e académico

O Centro de Arte e Cultura (CAC) da Fundação Eugénio de Almeida (FEA) está a organizar uma série de encontros com pessoas do meio artístico, cultural e académico de Évora, que irão decorrer a partir de amanhã, quarta-feira, na cidade alentejana.

De acordo com a fundação, citada pela Lusa, o programa, intitulado “Duas ou três coisas…”, prolonga-se até dia 29 de janeiro e consiste em “encontros com saberes, vozes e perspetivas da cidade, procurando campos de debate que cruzam Évora com os seus horizontes atuais”.

Biblioteca Itinerante de Redondo percorre o país

A exposição “Bibliotecas Itinerantes – Lugares de Futuro”, com a curadoria de António Bento Ramires, responsável pela Biblioteca Itinerante de Redondo (BIR),  está a percorrer o país para mostrar “o nobre papel que as bibliotecas móveis desempenham junto das comunidades mais isoladas”.

Em comunicado, o município adianta que a organização da mostra se realizou em conjunto com Carlos Mata Ferreira e Rui Guedes, tendo surgido no âmbito da IX Maratona de Leitura da Sertã.

Biblioteca de Évora promove uma noite com “Harry Potter: Viagens mágicas”

Decorrerá dia 4 de fevereiro, na Biblioteca Pública de Évora (BPE), a iniciativa Harry Potter: Viagens mágicas” e a leitura das obras desta saga, da autoria da britânica JK Rowlling.

A iniciativa insere-se na programação mensal da BPE e as sessões decorrem das: 18h30 às 20h e das 21h às 22h30 e as inscrições são limitadas e devem ser realizadas através do email bpevora@bpe.bnportugal.gov.pt. Só após receber um email de resposta a inscrição estará completa.

Filme “Não Olhem para Cima” visto pelos especialistas

Contribuir para o avanço do conhecimento é algo que todos os cientistas ambicionam. Mas para isso, é necessário que as suas descobertas sejam validadas por outros cientistas. Esta validação é feita através do processo de revisão entre pares, um dos pilares do processo científico, mencionado por Leonardo DiCaprio e Jennifer Lawrense no filme “Não Olhem Para Cima”.

Mourão: Vitorino em homenagem ao Cante

Esta noite, sábado 15, pelas 21h30, no Pavilhão Gimnodesportivo de Mourão, o artista alentejano Vitorino, acompanhado pelos quatro grupos de cante alentejano do concelho de Mourão, vão homenagear o Cante.

Num tributo ao Alentejo e às suas tradições, o músico natural de Redondo vai estar acompanhado do Grupo Coral Flores de Abril, Grupo Coral Granjarte, Grupo Coral da Granja e Grupo Coral da Luz, num espetáculo que integra ainda as comemorações do Dia de Reis.

As portas abrem uma hora antes, sendo os lugares limitados e a entrada gratuita e realizada por ordem de chegada.

Vila Viçosa volta a organizar Prémio Literário Florbela Espanca

A Câmara Municipal de Vila Viçosa aprovou, mais uma vez, a realização do Prémio Literário Florbela Espanca em 2022, na modalidade de Poesia.

Em comunicado, a autarquia refere que “os trabalhos a apresentar devem ser assinados com pseudónimo, dactilografados a dois espaços e impressos em papel formato A4”. Além disso, “os cinco exemplares devem ser entregues na Câmara Municipal de Vila Viçosa, na Praça da República, até às 16:00 do dia 15 de setembro de 2022”.

Portalegre acolhe espetáculo de final de carreira de Eunice Muñoz

O Centro das Artes do Espectáculo de Portalegre recebe, no dia 29 de janeiro, pelas 21:30, o espectáculo de final de carreira de Eunice Muñoz, aos 80 anos de palco, com texto de Franz Xaver Kroetz e escolhido pela própria atriz.

Évora: documentário aborda bairro da Malagueira de Álvaro Siza Vieira

O Bairro da Malagueira, em Évora, projetado pelo arquiteto Álvaro Siza Vieira e premiado internacionalmente, é o tema de um documentário realizado por Luís Godinho, que se estreia hoje, terça-feira, nesta cidade alentejana.

A estreia do documentário, intitulado “Malagueira”, está agendada para as 18:00, no Auditório Soror Mariana, no centro histórico de Évora, e marca o início das comemorações dos 45 anos deste projeto.

Viana do Alentejo expõe “Alentejo Figurado” de Gião Marques

A exposição “Alentejo Figurado”, da autoria de João António Gião Marques, vai estar patente ao público, na Igreja da Misericórdia, no Castelo de Viana do Alentejo, a partir do próximo dia 14 de janeiro.

Em comunicado, o município de Viana do Alentejo explica que esta mostra foi organizada pela autarquia, com o apoio da Junta de Freguesia de Viana do Alentejo e da Direção Regional da Cultura do Alentejo.

“Causa Própria” - a marca alentejana na série do momento

“Causa Própria” é a produção nacional que promete rivalizar com produções estrangeiras do género.

Aposta da RTP, a série estreou a 5 de janeiro e logo colocou em alvoroço as redes sociais. Num misto de ficção e realidade, e com realização de João Nuno Pinto, a série de sete episódios foi produzida pela Arquipélago Filmes para a RTP e conta Margarida Vila-Nova e Nuno Lopes nos papéis principais e com um elenco composto por Ivo Canelas, Maria Rueff, Catarina Wallenstein, Adriano Carvalho e António Fonseca, entre um leque de jovens talentos como Afonso Laginha e Sílvia Chiola.

Páginas