Está aqui

Opinião

Saúde Mental no Alentejo – Diz não estigma!

"Recordo com amor, o dia em que me interessei naturalmente pela área da Saúde Mental e Psiquiatria. Seis meses após início de licenciatura e já o mês de Março seguia a meio caminho quando decidi ser voluntária na Casa de Saúde da Idanha – Instituto das Irmãs Hospitaleiras do Sagrado Coração de Jesus, situado em Belas.

Dá que pensar

A investigação em biotecnologia é fundamental para avanço da humanidade, contudo, há um aspeto inquietante que se tem verificado nas últimas décadas e que diz respeito à concentração do direito de propriedade intelectual sobre recursos genéticos usados na agricultura e na pecuária.

A apropriação da natureza pela indústria é uma questão complexa e uma tendência preocupante que coloca sob ameaça as sementes tradicionais cruciais para manutenção das variedades locais de plantas agrícolas.

Lançámos o Fórum Tribuna Alentejo

O Tribuna Alentejo lançou esta semana o Fórum Tribuna Alentejo, um espaço de proximidade entre leitores, colaboradores e o jornal. Ao aderir ao Fórum Tribuna Alentejo, o leitor passa a receber imediatamente as últimas notícias sobre a região e as nossas colunas de opinião, assim como fazer sugestões ou partilhar informação que possa a vir a ser assunto no jornal digital. São tod@s bem vind@s, basta clicar aqui e pedir para aderir.

Quando os danos colaterais são os mortos e os feridos

Já não existem palavras aveludadas, estas apenas refletem mágoa e revolta. Os escritos já só conseguem exprimir realidades obscenas e sentimentos marcados pela insubmissão. O meu acervo dos sonhos vai-se esgotando e, chegar a acordo com o tempo, começa a não estar nos meus planos.   

Enquanto se exuberam essências, as catarses coletivas vão-se impondo pelo mundo fora.

Tinha, inicialmente, pensado escrever sobre Maio de 68, sobre os encantos e os desencantos de juventudes vividas de esperanças e de poéticas sonhadas e sempre adiadas.

Obrigado António Arnaut!

Homenagear António Arnaut é reconhecer o papel da liberdade e do serviço público nas nossas vidas. Elogiar António Arnaut é enaltecer a igualdade como causa prestada através do Serviço Nacional de Saúde. Agradecer a António Arnaut é celebrar de forma fraterna a Democracia!

A desinformação corrói

Há dias o CDS Almada fez sair um cartaz com o seguinte alerta: “a Eutanásia mata!” alertando para algo que todos sabemos e que acabou por se tornar uma campanha que se destacou pela negativa e que levou o próprio Partido a afastar-se dela.

Perdeu-se aqui uma boa oportunidade para discutir seriamente um tema que irá ser discutido e votado na Assembleia da República.

Um piquenique nas imediações do reino dos anjos?

(Picnic at Hanging Rock)

(Peter Weir, 1975)

Vidas

Nada é perfeito. Ninguém. As coisas que compõem a vida são coisas imperfeitas por natureza. Embora estejam ou possam estar muito próximas, algumas, dessa noção de realização máxima, haverá sempre um ponto que não bate tudo certo. Há vidas imperfeitas e não há total perfeição na vida ou mesmo vidas perfeitas.

Um dia de Desencantos

Os dias são assim, a forma como correm acaba por condicionar as vontades que tínhamos ao início do dia. Não cai desamparado na cama, mas conto fazer isso depois de embrulhar os desencantos de hoje nesta meia dúzia de caracteres.

Portugal no mundo

Ao ver o Egito em convulsão na praça Tahrir, a dominar os títulos da imprensa mundial com os seus conflitos internos, a ouvir os gritos de liberdade e os estridentes barulhos de pólvora…

Ao ver o ensino na Suécia, a sua posição no mundo, a sua aceitação de refugiados, o seu nível de vida e a sua condição de respeito internacional…

Ao ver o dinamismo económico do Vietname, frenético e imparável, com as suas construções megalómanas e instantâneas, e a assistir à força de uma nova geração que diariamente renova a imagem de um país…

Páginas