Está aqui

Tecnologia

Fundação EDP entrega 178 computadores a alunos em Elvas

 Alunos do 1º ciclo do Agrupamento de Escolas nº 1 de Elvas receberam ontem, sexta 30 de abril, equipamentos informáticos, no âmbito do Programa EDP Solidária.

Foram 178 computadores que foram entregues a alunos do 1º ciclo elvenses e inseridos em contextos vulneráveis. Em 2021, este programa irá doar um milhão de euros em 3.000 equipamentos vocacionados para o ensino do 1º ao 3º ciclo de modo a apoiar a capacitação digital do ensino nacional e que, no Alentejo, já beneficiou também alunos do Agrupamento de Escolas nº 1 de Beja,

Aplicações Informáticas com impacto social

Cada vez mais estamos familiarizados com sistemas informáticos e com software de várias naturezas. O nosso domínio da tecnologia digital é uma constante na era da informação, e a tendência da sua utilização e consumo é cada vez mais acentuada, crescendo o tempo que despendemos a manusear software.

O espelho traidor

(Espelho) Caro Diretor do Tribuna Alentejo:

Aproveito a ausência momentânea do meu convidado. Acho que ele não iria gostar do que estou prestes a revelar, embora há muito considere isso meu dever.

Alentejo Central conta com plataforma para aprender e ensinar português

A CIMAC – Comunidade Intermunicipal do Alentejo Central, através da plataforma Regional de aprendizagem, Colaboração e Partilha “+ Cidadania Alentejo Central”, vai disponibilizar o recurso tecnológico “Ensinar e Aprender Português”.

Águas de Beja permite gestão através do telemóvel

De modo a permitir a gestão do serviço de água no smartphone, a Empresa Municipal de Água e Saneamento (EMAS) de Beja aderiu à aplicação “myAQUA”.

Esta aplicação criada pela EPAL, após ser descarregada no Google Play ou na App Store, permite a gestão do consumo de água que passa a ser mais simples e cómoda, permitindo gerir os dados de cliente, comunicar leituras, receber avisos e notificações de serviço, reportar anomalias, entre outros.

 

Imagem de ppic .org

Altice ajuda GNR a chegar à população mais isolada; a estreia foi no Alentejo

A Altice Portugal reforçou o apoio à GNR com equipamentos e comunicações para todos os Comandos Territoriais do Continente.

O objetivo é dotar todos os comandos territoriais da GNR com os equipamentos e serviço de dados necessários para que milhares de idosos em todo o país possam manter-se próximos das suas famílias, sobretudo nesta fase de confinamento devido à pandemia.

EMAS de Beja lançam aplicação para telemóvel

A EMAS- Empresa Municipal de Água e Saneamento de Beja vai disponibilizar a todos os seus clientes uma nova aplicação gratuita denominada “myAQUA”, avança a Rádio Pax.

Rui Marreiros, administrador executivo da empresa, explica que esta nova ferramenta “permite a gestão do contrato de água através de telemóvel, facilitando o acesso às informações contratuais, proporcionando uma série de valências que tornarão a experiência do consumidor mais simples e cómoda”.

Universidade de Évora quer sequestrar CO2 para combater as alterações climáticas

A Universidade de Évora (UÉ) acabou de dar um passo assinalável no combate às alterações climáticas após a realização de um estudo onde foram identificados potenciais locais para instalações-piloto de armazenamento geológico de CO2, uma tecnologia que evita a libertação para a atmosfera do dióxido de carbono produzido pelas indústrias dos setores electroprodutor, siderúrgico ou cimenteiro.

Covid-19: Altice Portugal reforça as redes de comunicação

Novamente com os portugueses em confinamento, a Altice procura dar melhor resposta e minimizar o impacto na vida dos Portugueses. Neste sentido, vai proceder a novas ampliações e a um maior reforço de rede por todo o território nacional face ao expectável progressivo aumento de tráfego na rede fixa, com o previsível aumento do teletrabalho e o confinamento.

Évora vai instalar os supercomputadores mais potentes do País

O Laboratório computacional de alto desempenho para análise de big data da Universidade de Évora (BigData@UE) vai contar, no início deste ano, com dois equipamentos NVIDIA DGX A100, de capacidade global de 2x5 petaflops, 16 GPUs A100, 640GB de memória das GPUs e 2 TB de memória RAM. Com um desempenho equivalente a 10 mil PCs, este equipamento adquirido pela UÉ é único no nosso país e representou um investimento superior a 400 mil Euros.

Páginas