4 Março 2019      13:03

Está aqui

Vinhas alentejanas podem vir a desaparecer com alterações climáticas

As alterações climáticas já estão a mudar o vinho que é produzido e podem colocar em causa as vinhas alentejanas. A reflexão é dos investigadores João Santos e José Moutinho, professores da UTAD e que estão a desenvolver um projeto europeu de investigação sobre o impacto das alterações climáticas na viticultura. Para ambos e se a temperatura média na região subir dois ou três graus, tal bastará para fazer sucumbir as vinhas no Alentejo. Para Portugal prevê-se que o aquecimento global possa levar a um aumento da temperatura média anual entre 0,7 e 3 graus centígrados até final do século, o que colocará a região do Alentejo com temperaturas semelhantes às de hoje do Norte de África, onde simplesmente não há vinha.
 
Gregory Jones, especialista na climatologia aplicada à viticultura e diretor do Evenstad Center for Wine Education, em Oregon, é peremptório no DN: "Todas as regiões de vinho provavelmente irão mudar, de uma maneira ou de outra. Aquelas com áreas relativamente pequenas e muito pouca diversidade climática na região serão as que mais vão mudar as suas fronteiras. Algumas regiões maiores, com maior diversidade climática, podem ver algumas áreas dentro da própria região tornarem-se mais adequadas e outras nem tanto. No entanto, dada a magnitude das alterações projetadas para o futuro, não vejo como qualquer região possa ficar imune à mudança".
 
Este assunto irá de certeza ser abordado a partir de amanhã no Porto, na cimeira Climate Change Leadership, onde este especialista tem intervenção marcada, aliás como Al Gore, o ex-vice presidente norte-americano, muito ligado à causa das alterações climáticas.
 
Independentemente do que vier a acontecer as alterações e adaptações na produção de vinho já estão a acontecer com os produtores a procurar zonas mais frescas, em terrenos mais altos e com castas mais resistentes à falta de água, o que mudará a paisagem vinhateira e até a própria qualidade e características do vinho como o conhecemos.
 

Para saber mais ler artigo aqui.

 

Siga o Tribuna Alentejo no  e no Junte-se ao Fórum Tribuna Alentejo e saiba tudo em primeira mão

 

 

CAPTCHA
Image CAPTCHA
Escreva o caracteres que vê na imagem do lado direito.