Está aqui

Portugal

Saúde – há muito que o rei vai nu

Segundo notícias bem recentes, a falta de médicos e enfermeiros nos serviços de obstetrícia e ginecologia está a afetar a mortalidade materna. O alerta foi dado há poucos dias atrás pela Associação Portuguesa pelos Direitos da Mulher na Gravidez e no Parto, numa altura em que a Associação Europeia de Medicina Perinatal define a situação da obstetrícia em Portugal como “muito preocupante”.

As mães estão em perigo!

Há 38 anos que a mortalidade materna não era tão elevada. Em 2020 morreram 17 mulheres por complicações da gravidez, parto ou puerpério. Face aos números, dramáticos, a DGS criou uma equipa de especialistas para investigar as causas, já que ocorreram maioritariamente em instituições de saúde, ainda não há resultados ou conclusões, mas parece claro para vários especialistas que a "degradação dos cuidados obstétricos", o aumento da idade da gravidez e de grávidas "com patologias", são algumas das causas óbvias.

Novos mundos ao mundo

O “Ó mar salgado, quanto do teu sal são lágrimas de Portugal!” de Fernando Pessoa na “Mensagem” são palvras que refletem muitas vezes um Portugal soturno, triste, que se vê inferior e subalterno, de cabeça baixa e rendido ao Fado e ao trinar lento da guitarra e do tempo.

Porto de Sines terá “hub” para reexportar gás para a Europa

Portugal vai criar um novo “hub” de reexportação de gás natural liquefeito (GNL) no Porto de Sines, num investimento de 35 milhões de euros, para fazer face à extrema dependência da Europa do gás natural russo.

A informação é avançada pelo Jornal de Negócios e citada pelo jornal ECO. Este projeto está previsto ser desenvolvido ao longo de vários anos e é composto por diferentes etapas, uma das quais é a construção de um novo depósito de gás no terminal da REN, que poderá demorar até dois anos e custar cerca de 30 milhões de euros.

O que se passa com o PCP?

Por António Costa da Silva

A posição do PCP em relação à invasão russa na Ucrânia tem sido bastante estranha. O PCP entrou num beco sem saída, por sua livre e inteira responsabilidade. Não podem culpar os outros.

Ora vejamos, o PCP ignorou totalmente o foco desta guerra: a invasão russa à Ucrânia. As justificações do PCP, quando referem o papel da NATO e o papel dos Estados Unidos da América na guerra, não fazem qualquer sentido. Estamos a fugir ao foco das responsabilidades do invasor. Aqui o invasor é a Rússia.

Festival Internacional de Teatro do Alentejo começa quinta-feira

A 9.ª edição do Festival Internacional de Teatro do Alentejo (FITA), que irá decorrer entre os dias 5 e 14 de maio, vai abrir com o espetáculo “A Odisseia de Magalhães-Elcano”, pela companhia do Teatro Clássico de Sevilha.

De acordo com a Renascença, este espetáculo tem coordenação dramatúrgica de Alfonso Zurro e “nasceu da celebração do quinto centenário da primeira volta de circum-navegação do globo terrestre, liderada pelo português Fernão de Magalhães e, mais tarde, pelo espanhol Juan Sebastián Elcano”, avança um comunicado.

Captação de água no rio Guadiana deve ter estudo antecipado

O avanço de novas captações de água no rio Guadiana, a montante do Pomarão, no concelho de Mértola, deve ter uma avaliação das disponibilidades de água, por Portugal e Espanha, que permitam assegurar caudais ecológicos no tramo internacional do Baixo Guadiana, defendeu um especialista.

Agricultura gera menos riqueza desde anos 80

A riqueza gerada pela agricultura ascendeu a 3 500 milhões de euros em 2021, valor que está em queda desde os anos 80, década em que gerava mais do dobro da riqueza atual, segundo os dados da Pordata.

Em comunicado, citado pela Lusa, a Pordata revela que “a riqueza criada pela agricultura em 2021 foi de 3,5 mil milhões de euros. Descontando a inflação acumulada ao longo dos anos, este valor tem vindo a diminuir desde o início dos anos 80. Nessa década, a agricultura gerava mais do dobro da riqueza atual”.

Portugal é o maior galardoado no Concurso de Azeites Ovibeja

Portugal foi o país que conquistou mais prémios e menções honrosas no 11.º Concurso Internacional de Azeites Virgem Extra – Prémio Ovibeja, no qual participaram cerca de 100 amostras de 11 países, avança a Lusa.

Os resultados divulgados pela associação ACOS – Agricultores do Sul, promotora do concurso em parceria com a Casa do Azeite, revelam que Portugal conquistou 10 de 25 galardões atribuídos, seguindo-se Espanha, com sete, Itália e Argentina, com dois cada, e Alemanha, Israel e Croácia, com um cada.

Costa sucede a Costa

António Costa concretizou o seu sonho: governar com maioria absoluta e sem depender dos partidos à sua esquerda. Tem agora uma oportunidade única para reformar o país. Desburocratizar licenciamentos, agilizar procedimentos administrativos, ser implacável com a corrupção, retomar a paixão da educação, encarar a lentidão da justiça portuguesa como um entrave à atividade económica e ao investimento estrangeiro.

Páginas