Está aqui

Herdade do Esporão

Esporão lança vinho comemorativo dos 20 anos da Transferência de Administração de Macau

A Herdade do Esporão produziu uma edição limitada de vinho de gama alta para comemorar os 20 anos da Transferência de Administração de Macau, ocorrida em 20 de dezembro de 1999. O vinho escolhido foi o Reserva Tinto de 2017 com o lançamento de 42900 garrafas de 750ml, 50 garrafas de três litros e 50 garrafas de cinco litros. O rótulo é da autoria de James Chu, depois do artista de Macau ter arrecadado o primeiro lugar num concurso de gravura lançado pelo importador local do vinho - Great Time Limited - no início de 2019.

Azeite da colheita de 2018 da Herdade do Esporão já está no Brasil

A safra de azeite, da colheita de 2018 da Herdade do Esporão, em Reguengos de Monsaraz, já chegou ao Brasil. A estratégia daquela produtora alentejana de vinhos e azeites tem sido a de encurtar o período que medeia entre a colheita da azeitona e o processamento, com o objetivo de oferecer "mais frescor, sabor e qualidade" ao consumidor.

Esporão "exporta" experiência dos vinhos alentejanos para o Douro

A Adega do Esporão, em Reguengos de Monsaraz, está a aplicar a experiência de mais de trinta anos em vinhos na Adega da Quinta dos Murças, no Douro, que o grupo adquiriu há uma década. Uma das experiências vai resultar num novo vinho do Douro que ainda será lançado este ano e que tem como base a técnica de produção alentejana do vinho da talha.

ALQUEVA CORRE RISCO DE NÃO SER UTILIZÁVEL EM 2019

Numa entrevista dada hoje ao Jornal Público, José Roquette, empresário e membro da Associação Melhor Alentejo, considera que o Alqueva corre o risco de não ser utilizável a partir de 2019 "porque o Alqueva não é utilizável abaixo da chamada quota 135, cerca de 1000 hectómetros cúbicos de água.