19 Junho 2019      18:00

Está aqui

Órgãos com quase 3 séculos vão dar concerto único em Évora

A data escolhida para um concerto único de 3 órgãos históricos construídos por Oldovino foi a do dia da cidade de Évora, 29 de junho, dia de S. Pedro e feriado municipal. A particularidade deste concerto é a de que tocarão em simultâneo os 3 instrumentos históricos construídos no século XVIII pelo organeiro genovês Pascoal Caetano Oldovino: o da Capela-Mor, o da Tribuna Real e o mais pequeno, que se encontra no transepto direito da nave.

O concerto acontece às 18h00 depois destes instrumentos históricos terem beneficiado de uma profunda operação de restauro dirigida pelo organeiro italiano Michel Formentelli em colaboração com a oficina de restauro de S. Francisco.

Rafael Reis, organista titular da igreja de S. Francisco explica o que podemos esperar deste concerto: Numa interpretação contextualizada, mostraremos o melhor que existia na Europa em policoralidade, com um apontamento de uma obra de Heinch Schütz, acompanhado de João Lourenço Rebelo, José António dos Reis e André Rodrigues Lopo. Escutaremos com prazer prolongado órgãos a solo, órgãos em diálogo e, por fim, três órgãos em simultâneo. A atualidade musical será sentida com a música de Eurico Carrapatoso, com duas obras escritas propositadamente para o concerto.”

 

Siga o Tribuna Alentejo no  e no Junte-se ao Fórum Tribuna Alentejo e saiba tudo em primeira mão

 

 

 

CAPTCHA
Image CAPTCHA
Escreva o caracteres que vê na imagem do lado direito.