Está aqui

Cáritas de Portalegre

Pedidos de ajuda à Cáritas de Portalegre aumentam

Elicídio Bilé, presidente da Cáritas Diocesana de Portalegre-Castelo Branco, revelou que o número de pedidos de ajuda das famílias aumentou nos últimos tempos, defendendo uma resposta mais eficaz do Governo ao setor da ação social.

Em declarações à agência Lusa, o responsável adiantou que “há pessoas que estão a trabalhar, mas constituem novas formas de pobreza, ou seja, são pessoas que tendo trabalho não têm rendimentos para conseguir suprir as dificuldades que estão a passar”.

PORTALEGRE: MÚSICA E DANÇA PARA DAR DE COMER A QUEM PRECISA

São setenta as famílias residentes na cidade de Portalegre que dependem de bens alimentares que a Cáritas lhes doa para poderem sobreviver, segundo avança a Rádio Portalegre, numa peça assinada por Carla Aguiã.

Em declarações a esta rádio, Anabela Afonso, da Cáritas de Portalegre, adianta que a escassez de bens está a criar dificuldades no apoio mensal que estas famílias recebem, através da sua Loja Solidária, e que os bens que chegam à instituição já não chegam para dar resposta aos pedidos.