8 Maio 2019      09:39

Está aqui

Alentejo procura captar investimentos na costa oeste dos Estados Unidos

José Calixto, Presidente da ADRAL

Decorre neste momento uma missão internacional do Alentejo na costa oeste dos Estados Unidos da América. A missão, que junta empresários, a Agência de Desenvolvimento Regional do Alentejo (ADRAL), a Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Alentejo (CCDR) e a Empresa de Desenvolvimento e Infra-estruturas do Alqueva (EDIA), procura captar investimento industrial para o Alentejo e promover o Porto de Sines enquanto porto de entrada na Europa.

Segundo José Calixto, presidente da ADRAL, que organizou a iniciativa, esta missão empresarial insere-se "numa estratégia de promoção internacional da região Alentejo enquanto destino de excelência para investimento directo estrangeiro".

A primeira paragem deste roteiro, que decorre até 10 de maio, fez-se no Porto de Oakland – seguir-se-ão visitas aos portos de San Diego, Los Angeles e Long Beach. Uma das prioridades da missão é a promoção de Sines como ponto de entrada das exportações de gás natural liquefeito (GNL) dos Estados Unidos para a Europa; a outra é atrair investimento das indústrias petroquímica e química da Califórnia para a Zona Industrial e Logística de Sines (ZILS), capitalizando nas infra-estruturas existentes, desde o terminal de granéis sólidos ao terminal petroquímico.

 

Siga o Tribuna Alentejo no  e no Junte-se ao Fórum Tribuna Alentejo e saiba tudo em primeira mão

 

 

CAPTCHA
Image CAPTCHA
Escreva o caracteres que vê na imagem do lado direito.