1 Setembro 2019      12:39

Está aqui

Sete Sóis, Sete Luas em Castro Verde

Yldor Llach

O XXVII Festival Sete Sóis Sete Luas vai decorrer em Castro Verde nos 6, 7 e 8 de setembro de 2019.

A programação é rica e variada e tem por base diferentes formas de expressão cultural do Mediterrâneo e do mundo lusófono, e pretende proporcionar momentos de partilha, aprendizagem e descoberta, através da realização de diferentes espetáculos e apresentações de rua, no Anfiteatro Municipal e junto à Igreja dos Remédios.

Um dos convidados desta edição é mandolinista italiano, Mimmo Epifani que, em conjunto com “The Barbers”, interpreta um repertório original, ligado a instrumentos de corda, como bandolim, mandola, mandoloncello e aos instrumentos étnicos utilizados nos salões de barbeiros de Salento, no sul de Itália.

Os Orkestra Popular Des 7Luas (Mediterrâneo), são uma produção original do festival que reúne músicos do Brasil, Itália, Espanha, Portugal, e Guiné-Bissau, se apresenta em concerto nesta edição do festival, num concerto onde visita a música popular destes países do Mediterrâneo e do Mundo Lusófono.

Dino D'Santiago (Cabo-Verde / Portugal), trará um espetáculo onde não faltarão os sons da tradição cabo-verdiana, em sintonia com o peso contemporâneo da música eletrónica e num festival onde não faltarão também as sonoridades tradicionais do Alentejo com o grupo de música popular Cantares do Sul.

A animação de rua fica estará a cargo do artista circense catalão Yldor Llach (Espanha), e que virá na sua bicicleta acrobática para o espetáculo “Sobre Rodas”. Os Irmãos Esferovite (Portugal) trazem uma aventura musical e circense.

Nas artes plásticas, estará a exposição “Meus aCORdes” e realização simultânea de um laboratório de pintura mural, pela mão de Tutu Sousa (Cabo-Verde), um autodidata no domínio da pintura e escultura.

 

Imagem de vimeocdn.com

CAPTCHA
Image CAPTCHA
Escreva o caracteres que vê na imagem do lado direito.