25 Janeiro 2019      11:56

Está aqui

Sete municípios alentejanos defendem terminal de carga ferroviário em Alandroal

João Grilo, presidente da Câmara Municipal de Alandroal

Os municípios de Alandroal, Borba, Estremoz, Reguengos de Monsaraz, Redondo, Sousel e Vila Viçosa juntaram-se para defender a construção de um terminal de carga ferroviário em Alandroal, que sirva toda a região e já conseguiram pelo menos convencer a Infraestruturas de Portugal (IP) a realizar um estudo de viabilidade económica para o projeto, suportado em 50% pela IP e os restantes 50% em partes iguais pelos 7 municípios. 

Para o local, conhecido por Conjeito, na saída de Alandroal para Redondo, já está prevista a construção da chamada “estação técnica n. 2” do troço Freixo-Alandroal da linha ferroviária Sines-Caia, cujos concursos públicos já se encontram em fase de adjudicação. Conforme a IP transmitiu aos municípios, não existem impedimentos técnicos para transformar esta estação num terminal de carga e descarga. É preciso sim demonstrar a sua viabilidade económica para que os municípios possam demonstrar ao Governo a viabilidade do investimento. 

Para João Grilo, presidente da Câmara Municipal de Alandroal, “este é um passo importante sem o qual não se pode esperar que haja decisões. E é muito gratificante ver todos os municípios vizinhos comprometidos e empenhados em ajudar a concretizar uma infraestrutura que sendo importante para o Alandroal, é muito importante para potenciar a economia de todo a região”. Conclui ainda o autarca que “as possibilidades para os produtos da região são imensas e onde se criam soluções deste tipo as dinâmicas crescem só por si, mas os mármores, cujo setor passa por momentos difíceis e a precisar de se relançar, podem encontrar aqui um forte contributo, face à importância económica que têm na região. Na realização deste estudo vamos envolver a CCDR Alentejo, as associações de empresários dos mármores, a agricultura e agroindústria, em particular, o setor vitivinícola e o dos azeites. Vamos estudar a fundo todas as vantagens que se podem criar na região com a chegada e saída de mercadorias a partir deste ponto.”

 

 

Siga o Tribuna Alentejo no  e no Junte-se ao Fórum Tribuna Alentejo e saiba tudo em primeira mão

 

 

 

CAPTCHA
Image CAPTCHA
Escreva o caracteres que vê na imagem do lado direito.