14 Maio 2024      09:52

Está aqui

Reguengos de Monsaraz cria “Cabaz Bebé de Santo António” para apoiar natalidade

O município de Reguengos de Monsaraz vai entregar o “Cabaz Bebé de Santo António” a todos os bebés que nascerem no mês de junho, para “apoiar as famílias do concelho e assinalar o nascimento dos bebés no mês em que se comemora o Santo António, padroeiro” da cidade, anunciou a Câmara Municipal, em comunicado.

Este “Cabaz Bebé de Santo António” contém bens essenciais para o recém-nascido, como artigos de higiene e de puericultura, têxteis e brinquedos, num valor a rondar os 200 euros.

Todas “as pessoas residentes no concelho de Reguengos de Monsaraz que sejam pais ou detenham a guarda de um bebé nascido em junho” poderão beneficiar deste apoio à natalidade, que deve ser requerido no Gabinete de Apoio à Presidência até três meses após o nascimento do bebé. O requerimento será analisado num prazo máximo de 15 dias.

O município tem colocado em prática diversas medidas e ajudas de intervenção social para fixar pessoas no concelho, melhorar a qualidade de vida da população e apoiar a natalidade. A presidente da Câmara Municipal de Reguengos de Monsaraz, Marta Prates, refere, citada no mesmo documento, que “este apoio tem um objetivo simbólico e visa apenas assinalar o mês do padroeiro da cidade e os bebés que nascem em junho, não se pretendendo discriminar negativamente os restantes bebés que nascem ao longo do ano, pois os principais apoios da autarquia beneficiam todos os bebés”.

A presidente salienta também que “há um conjunto amplo de medidas integradas na Missão Mais Pelos Jovens e vários apoios focados na natalidade, que são o Cheque Cegonha, que apoia em 100 euros a compra de bens para bebés no comércio local, o Cheque Pediatra, que atribui 150 euros para as despesas efetuadas em consultas e/ou vacinas pediátricas, assim como o Banco de Fraldas que ajuda até 100 euros na aquisição de fraldas no primeiro mês do bebé”. 

 

Fotografia de expresso.pt