20 Maio 2019      16:04

Está aqui

Porto de Sines volta a bater recorde

Já este ano de 2019, o porto de Sines voltou a bater um recorde, desta feita o do seu recorde diário de regaseificação de GNL.

De acordo com informações da britânica S&P Global Platts Analytics, o Porto de Sines bateu o recorde diário de regaseificação, tendo o porto alentejano contado 19 milhões de metros cúbicos de regaseificação de gás natural liquefeito a 15 de março, batendo um recorde que datava de janeiro passado.

Face a 2018, o Porto de Sines já garantiu níveis de regaseificação de GNL superiores em 69%, face a período homólogo, motivado pelo aumento da exportações de GNL para os Estados Unidos e pela necessidade europeia de diversificação das suas fontes de energia e não dependência dos mercados energéticos do Leste europeu e do Médio Oriente.

Ainda de acordo com dados da S&P Global Platts Analytics, o terminal de GNL de Sines aumentou também o entregas do Qatar e diminuiu as importações de gás de Espanha com uma queda homóloga superior a 95%, somente 24 milhões de metros cúbicos líquidos.

 

Imagem de ren.pt

 

CAPTCHA
Image CAPTCHA
Escreva o caracteres que vê na imagem do lado direito.