1 Março 2018      09:54

Está aqui

Linces Ibéricos libertados ontem em Serpa

Serpa recebeu os seus primeiros dois Linces Ibéricos, libertados pelo Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF), que vão reforçar a população selvagem a viver já no Parque Natural do Vale do Guadiana.

O casal Ouriço e Odelouca, nasceram no Centro de Reprodução em Silves e serão os primeiros a ser libertados fora do concelho de Mértola, numa área de cerca de 20 mil hectares, próxima do Pulo do Lobo, uma zona de matagais, rica em coelho bravo.

Esta libertação ocorre no âmbito do Projeto de Recuperação da Distribuição Histórica do Lince-Ibérico em Espanha e Portugal "LIFE+Iberlince", e soma-se aos 27 linces já libertados no Alentejo, sendo que 3 deles morreram, um por envenenamento, outro por doença e um terceiro atropelado. Há ainda uma fêmea desaparecida, a quem foi cortada a coleira emissora. Entretanto já nasceram em liberdade 16 crias e encontram-se neste momento 6 fêmeas prenhas, prevendo-se o nascimento de novas crias neste mês de março.

Imagem de capa de Lince Ibérico (Lynx pardinus) S.O.S. (© Luca Garcia)

 

 

CAPTCHA
Image CAPTCHA
Escreva o caracteres que vê na imagem do lado direito.