24 Março 2019      09:34

Está aqui

E os novos "Honoris Causa" da Universidade de Évora são...

A Universidade de Évora decidiu atribuir o título “Honoris Causa” a Alexandre Quintanilha e Pat Sandra.

O Conselho Científico da UÉ considerou ser o momento "oportuno" para homenagear Alexandre Quintanilha "pelo seu extraordinário percurso científico" e "também pelo importante contributo que deu à ciência em Portugal, transmitindo o conhecimento, desenvolvendo a investigação científica, formando gerações de cientistas e promovendo militantemente a ciência na educação".

Já sobre Pat Sandra, o Conselho Científico da UÉ considerou "o seu inestimável contributo para a ciência, em sentido lato, e para a química analítica e a ciência separativa em particular", destacando também o "desenvolvimento da ciência cromatográfica em Portugal, e muito especialmente o seu apoio inestimável ao desenvolvimento e crescimento das técnicas analíticas de separação na Universidade de Évora, principalmente, através do seu contínuo apoio pessoal, como cientista e investigador, sem esquecer o seu desinteressado apoio material ao longo de mais de dez anos de colaboração".

Alexandre Quintanilha, apresenta uma vasta obra publicada de artigos e livros científicos, essencialmente nas áreas da política de ciência, do stress biológico, perceção do risco e divulgação do conhecimento. É doutorado em física teórica pela Witwatersrand University em Johannesburg, e presidiu, entre outros, aos comités da ESF, da OECD, da Comissão Europeia (Marie Curie, ELSA, membro do EURAB e do STAC) e de outras organizações internacionais de investigação.

Pat J. Sandra fundou o Instituto de Investigação em Cromatografia (RIC), um centro de excelência de investigação em cromatografia. É autor ou co-autor de mais de 550 publicações científicas, recebendo variadíssimos prémios como o ACS Chromatography Award (2005), Doutor Honoris Causa em Ciências Farmacêuticas (2004, Turim, Itália), Doutor Honoris Causa em Segurança Alimentar (2007, Messina, Itália), Professor Honorário do Instituto Dalian de Física Química, Academia Chinesa de Ciências (2007) e Doutor Honoris Causa em Química (2012, Bucareste, Roménia).

 

Imagem de capa de Carlos Neves.

 

Siga o Tribuna Alentejo no  e no Junte-se ao Fórum Tribuna Alentejo e saiba tudo em primeira mão

 

 

 
CAPTCHA
Image CAPTCHA
Escreva o caracteres que vê na imagem do lado direito.