14 Agosto 2018      13:18

Está aqui

Cabo atravessa atlântico para ligar Sines ao Brasil

Chamam-lhe Ellalink, tem qualquer coisa como cerca de 10 mil quilómetros de comprimento e vai custar 53 milhões de euros. Falamos do cabo de fibra ótica submarino, que vai ligar Sines a Fortaleza, no Brasil e que deverá estar operacional dentro de dois anos.

Um grupo de 11 redes de investigação e educação europeias e latino-americanas assinou ontem um acordo para a construção do cabo de fibra ótica submarino “Ellalink” no Atlântico, que ligará Europa e América Latina através de Portugal e Brasil.

Trata-se de tecnologia última geração, com uma capacidade inicial de 50 terabytes, podendo chegar a 72 terabytes, de acordo com o diretor comercial da empresa, Jesús Bernad, e vai ainda permitir, a redução de preço do serviço de internet e dará maior segurança na comunicação direta entre a América Latina e a Europa.

A Comissão Europeia vai custear 26,5 milhões, sendo que a outra metade do investimento será assegurada pelos restantes membros do consórcio, do Brasil, Chile, Colômbia, Equador, França, Alemanha, Itália, Espanha e Portugal.

Imagem de capa de retailnews.asia

CAPTCHA
Image CAPTCHA
Escreva o caracteres que vê na imagem do lado direito.