23 Maio 2018      14:31

Está aqui

Beja foi preterida na instalação do futuro Centro Multinacional de Treino de Helicópteros

Apesar de Beja ter sido escolhida para exercício multinacional Hot Blade 2018, que consiste em exercícios de guerra com helicópteros e forças especiais, não foi Beja a escolhida para receber o Centro Multinacional de Treino de Helicópteros. A informação foi dada pelo ministro da Defesa Nacional, José Azeredo Lopes, enquanto assistia ao exercício multinacional Hot Blade 2018, que decorre na Base Aérea Nº 11, em Beja.

Segundo o Chefe de Estado Maior da Força Aérea, General Manuel Teixeira Rolo, Beja não foi equacionada para receber este centro em 2021 por estar mais distante da capital do país e por isso a escolha recaiu sobre Sintra.

Para já é apenas uma candidatura europeia mas o governo considera que é a mais sólida e está convicto que o futuro Centro Multinacional de Treino de Helicópteros vira mesmo para Portugal.

Imagem de capa de Força Aérea Portuguesa.

 

 

CAPTCHA
Image CAPTCHA
Escreva o caracteres que vê na imagem do lado direito.