16 Julho 2020      13:02

Está aqui

Azeite alentejano vence em Los Angeles e Madrid

Henrique Herculano, diretor de marketing da CAMB

A nova imagem dos azeites da Cooperativa Agrícola de Moura e Barrancos foi premiada em dois dos mais conceituados concursos internacionais de azeite virgem extra. O júri da Los Angeles International Extra Virgin Olive Oil Competition, a quinta maior competição do mundo, atribuiu uma Medalha de Prata à nova embalagem do Azeite de Moura DOP, na categoria arte/ilustração, que distingue o uso de uma ilustração original como elemento chave do design.

Já em Madrid, o Lote Seleção da Cooperativa Agrícola de Moura e Barrancos mereceu uma Medalha de Bronze nos EVOOLEUM Packaging Awards 2020, na categoria de Melhor Design no Retalho. O júri da competição, organizada pelo Grupo Editorial Mercacei e pela Associação Espanhola dos Municípios do Azeite, destacou o formato divertido da garrafa, que “conserva, ao mesmo tempo, um toque elegante no rótulo graças à cor, impressão e tipografia usadas”.

Foi no final do ano passado que a Cooperativa Agrícola de Moura e Barrancos apresentou uma nova identidade corporativa e um rebranding das suas marcas de azeite, com assinatura da agência de Rita Rivotti. A celebrar 65 anos de existência, a maior cooperativa de produção de azeite em Portugal, traçou como objetivo trazer contemporaneidade ao packaging dos seus reputados azeites, sem esquecer a sua origem e tradição. Os dois prémios de design agora conquistados trazem, assim, reconhecimento internacional à estratégia de mudança.

Fundada em 1954, a Cooperativa Agrícola de Moura e Barrancos é a maior cooperativa de produção de azeite em Portugal. Com 1300 sócios olivicultores e 50 trabalhadores, produz anualmente mais de 7000 toneladas de azeite destinados, sobretudo, ao mercado nacional.  O Azeite de Moura foi o primeiro com Denominação de Origem Protegida em Portugal

CAPTCHA
Image CAPTCHA
Escreva o caracteres que vê na imagem do lado direito.