Está aqui

Artigos publicados

Feira da Castanha já agita Marvão

A 36.ª Feira da Castanha - Festa do Castanheiro de Marvão só terá lugar de 9 a 10 de novembro, mas já agita a vila norte-alentejana.

Este certame é promovido pela Câmara Municipal de Marvão e pretende dar destaque à castanha do concelho, fruto de características únicas criadas pelo microclima da Serra de São Mamede.

3,5M€ criam novo lagar no Alentejo

Foi um investimento de 3,5 milhões de euros o que fez nascer o um novo lagar no Alentejo, pertença da empresa Casa Santa Vitória, do grupo Vila Galé, e que vai agora produzir o seu próprio azeite, à imagem do que já faz com o vinho.

Este lagar é moderno e bem equipado e vai elevar ainda mais a qualidade do azeite da marca, fruto de 200 hectares de olival dos cerca de 1.620 hectares totais que a empresa detém no concelho de Beja; 127 desses hectares são de vinha e os restantes albergam também o hotel rural Vila Galé Clube de Campo e a adega da Casa Santa Vitória.

Grupo Vila Galé quer construir mais 2 hotéis no Alentejo

O Grupo Vila Galé quer investir 22 milhões de euros e construir mais 2 hotéis em Beja: um para casais e outro para crianças.

Estes novos hotéis visam reforçar a oferta do projeto turístico e agrícola da cadeia hoteleira em Beja os projetos estão em fase de aprovação na Câmara de Beja e de outras entidades, e o Grupo Vila Galé espera que estejam em execução já no próximo ano.

Alcáçovas volta a ser capital da doçaria em dezembro

A vila de Alcáçovas volta a ser capital da doçaria, de 6 a 8 de dezembro, quando acolher mais uma edição da Mostra de Doçaria.

Esta 20ª edição do certame é uma organização do Município de Viana do Alentejo e da Junta de Freguesia de Alcáçovas e que surgiu para preservar a doçaria conventual e palaciana, bem como, os saberes e sabores caraterísticos da região.

Em destaque estarão o Bolo Real, Bolo Conde de Alcáçovas, Amores de Viana e as Sardinhas Albardadas além de muitas outras iguarias que e diversos licores.

Beja tem um festival só para elas

Beja tem um festival exclusivamente no feminino: o Festival das Marias.

Este festival decorrerá no Teatro PAX Júlia, de 20 a 30 de novembro, e conta com atividades como música, conversas, círculos de mulheres, documentários e ateliers e oficinas.

Na música, destaque para o nome a reconhecida cantora brasileira Adriana Calcanhoto.

Estremoz: Património Mundial em exposição

Os Bonecos de Estremoz, Património Mundial da UNESCO, estão em exposição, na Galeria D. Dinis, até 30 de novembro.

A exposição "Bonecos de Estremoz: Mestre Mariano da Conceição" tem o legado do Mestre Mariano da Conceição, um dos maiores nomes desta arte alentejana, e que soube interpretar as tradições das figuras mais antigas e lhes deu um toque pessoal que se traduziu numa estética inconfundível. Foi influência de muitas outras gerações de artesãos que se seguiram.

Vila Viçosa recupera 3 telas do séc. XVIII

Em Vila Viçosa, a Santa Casa da Misericórdia local promoveu, em setembro, a intervenção de restauro em três telas do século XVIII.

As três obras são provenientes da Ermida de Santo António de Aldeia de Fidalgo, situada na freguesia de Rio de Moinhos, concelho de Borba, e são propriedade da Instituição.

"Olhó balão!" - tudo de olhos postos no céu

É o maior e mais antigo Festival de Balões de Ar Quente do país e está de regresso ao Alentejo

Pelo 23º ano consecutivo, o Festival Internacional Balões de Ar Quente vai estar presente nos concelhos de Avis, Campo Maior, Fronteira, Monforte e Ponte de Sor, de 11 a 17 de novembro, e conta com a participação de 40 equipas.

30M€ para mais regadio em Setúbal e Évora

Ainda antes de terminar o mandato, o então ministro da Agricultura, Capoulas Santos, aprovou um novo investimento, na ordem dos 30 milhões de euros, para dois projetos de regadio, em Évora e Setúbal.

Castro Verde tem uma feira quase a completar 400 anos

Foi em 1620, há 399 anos, que Filipe II, ordenou a realização da Feira de Castro, no terceiro domingo de outubro.

Esta feira cresceu rapidamente e tornou-se mesmo a principal feira do sul do país com destaque para o gado e depois para mil e uma mercadorias e produtos da terra.

Esta tradição do terceiro domingo de outubro - sempre nesta data – é tão segura que daí surgiu o dito popular de «tão certo como a Feira de Castro».

Páginas