Está aqui

Turismo

Não queremos “taxa” turística em Évora

Há cerca de dois anos e meio atrás quando questionada sobre a eventualidade da Câmara Municipal de Évora (CME) poder aplicar uma taxa turística apresentei de imediato algumas reservas. Parecia-me prudente ouvir em primeiro lugar a opinião dos agentes turísticos (os empresários do setor do turismo e restauração de Évora), mas também ter a garantia clara que não estaríamos a “matar” uma potencial “galinha dos ovos de ouro”.

Alentejo é quem mais cresce nas dormidas em alojamento turístico

As dormidas em alojamento turístico aumentaram 7,2% em Novembro, para 4,1 milhões, tendo Portugal contabilizado 1,8 milhões de hóspedes, o que representa um aumento de 12,5% em relação ao mês anterior, segundo dados do Instituto Nacional de Estatística (INE).

Entre Janeiro e Novembro de 2019, os país obteve 25,4 milhões de hóspedes, mais 7,1% do que no ano anterior, totalizando 66,3 milhões de dormidas.

Abriram as candidaturas aos projetos turísticos 365 Alentejo-Ribatejo

As candidaturas à 3.ª edição do Programa 365 Alentejo-Ribatejo estão abertas até 16 de Janeiro de 2020. O programa pretende “reforçar, ampliar e qualificar o conteúdo turístico e a notoriedade das iniciativas a seleccionar, nomeadamente daquelas que procurem apoio financeiro para a respectiva qualificação”, explica a Turismo do Alentejo.

Marvão convida para uma época gastronómica dedicada à caça

Em Marvão, de 21 de dezembro a 5 de janeiro de 2020, terá ao seu dispor todo um cardápio de pratos e iguarias com base na caça.

São doze os restaurantes aderentes do concelho - nesta nona edição da Quinzena Gastronómica da Caça - e onde vai poder provar lebre, perdiz, tordo, coelho bravo, javali ou veado cozinhados das mais variadas formas: açorda de perdiz, coelho “à caçador”, veado com “setas” e castanhas, tordos fritos, febrinhas de javali grelhadas no carvão, caçolinha de castanha, perdiz estufada, entre muitos outros pratos.

Wi-fi reforçado em Ourique

A rede wi-fi em Ourique foi reforçada pela Câmara de Ourique.

A autarquia sul alentejana está a instalar equipamentos de modo a reforçar o fornecimento de rede de internet gratuita em vários da localidade.

Crê-se que a medida irá impulsionar a promoção turística, facilitar o acesso à informação e a simplificação dos serviços públicos.

São aproximadamente 63 mil euros de investimento, financiado em 79% pelo Turismo de Portugal, num projeto conjunto em que a autarquia acredita que pode ser uma mais valia de modo a atrair mais visitantes.

 

Já está aberta a maior atração de inverno do Alentejo

Já está aberta a maior atração do inverno do Alentejo: a pista de gelo em Elvas.

Desde ontem, sexta, que a Pista de Gelo de Elvas está a funcionar no coliseu comendador Rondão Almeida, e espera milhares de visitantes.

Com cerca de 800 metros quadrados, a pista vai estar em funcionamento até dia 6 de janeiro e espera receber muitos turistas portugueses e espanhóis.

Feira da Castanha já agita Marvão

A 36.ª Feira da Castanha - Festa do Castanheiro de Marvão só terá lugar de 9 a 10 de novembro, mas já agita a vila norte-alentejana.

Este certame é promovido pela Câmara Municipal de Marvão e pretende dar destaque à castanha do concelho, fruto de características únicas criadas pelo microclima da Serra de São Mamede.

"Olhó balão!" - tudo de olhos postos no céu

É o maior e mais antigo Festival de Balões de Ar Quente do país e está de regresso ao Alentejo

Pelo 23º ano consecutivo, o Festival Internacional Balões de Ar Quente vai estar presente nos concelhos de Avis, Campo Maior, Fronteira, Monforte e Ponte de Sor, de 11 a 17 de novembro, e conta com a participação de 40 equipas.

Em 2019, já estiveram 18 milhões de turistas em Portugal

Até agosto, segundo dados do Instituto Nacional de Estatística - INE, estiveram 18 milhões de turistas em Portugal e, no segundo lugar do ranking das regiões que mais turistas têm recebido está o Alentejo.

No total nacional, já foram registadas 9,5 milhões de dormidas registadas, destas, 6,1 milhões são de turistas estrangeiros - maioritariamente britânicos, espanhóis e franceses, norte-americanos, brasileiros, irlandeses e chineses que, desde o início do ano tiveram um aumento de 15,5%.

O alentejano Garcia da Horta vai ter Centro Interpretativo em Castelo Vide

Nascido em Castelo de Vide, lá por volta de 1500, Garcia de Orta foi um importante médico português que viveu na Índia e que foi pioneiro nas áreas da botânica, farmacologia, medicina tropical e antropologia, tendo revolucionado boa parte da medicina europeia e mundial da época.

Os seus pais eram cristãos-novos (judeus convertidos) da raia espanhola (Valência de Alcântara e Albuquerque) e que, provavelmente por terem sido expulsos de Espanha, vieram viver para o Alentejo.

Páginas