Está aqui

Susana Pedro

Novo livro infantil sobre emoções lançado no Alentejo

Já chegou às livrarias de todo o País o segundo livro da Sociedade do Bem: "Há por aí alguém igual a mim?".

"Pequenos Corações Gigantes", o programa educativo nascido no Alentejo e premiado no País

Susana Pedro, fundadora e presidente da Sociedade do Bem, subiu recentemente ao palco do auditório do Campus do Conhecimento e da Cidadania da Fundação Bissaya Barreto, em Coimbra, para receber o Prémio Nuno Viegas Nascimento.

Este prémio, que tem como objetivo distinguir pessoas ou instituições sem fins lucrativos que se tenham destacado nas áreas social, educativa, da saúde ou da cultura, premiou o projeto "Pequenos Corações Gigantes", que a equipa da Sociedade do Bem, sedeada em Évora, implementa desde 2015 nas escolas de ensino básico.

Há um livro que ajuda as crianças a compreenderem o que sentem

Medo, raiva, tristeza, solidão... Estas são algumas emoções que assaltam Li, a personagem principal de um livro infantil que tem como missão orientar as crianças a compreenderem o que sentem ao longo das suas páginas. Mais do que uma história, com um princípio, meio e fim, o livro "Que cores têm as tuas palavras?" é um ponto de partida: o percurso de Li pode ser o percurso de qualquer um de nós. Ao percorrê-lo, as crianças compreendem que todos têm a sua história pessoal, feita de momentos, de palavras, de pessoas e de um mundo de emoções.

ANO NOVO, ESCOLA NOVA!

* ou resoluções de ano novo que todos os professores deviam fazer

Novo ano é época de fazer resoluções: perder peso ou adotar um estilo de vida mais saudável são as mais comuns, mas… e um professor? O que decide um professor alterar ou melhorar no ano que entra para que este se transforme no ano da sua vida, para além das resoluções mais comuns que fazem parte da lista? Que objetivos poderá ele definir para si e, consequentemente para a sua sala de aula, para criar um ambiente mais positivo para todos?

UM LIVRO PARA FALAR DE EMOÇÕES QUE NASCEU NO ALENTEJO

Chama-se Susana Pedro, é professora, vive em Évora com a família e fundou em 2015 a Sociedade do Bem, uma associação sem fins lucrativos que promove competências emocionais e sociais nas crianças em ambiente escolar.

Resultado dessa experiência com as escolas e as crianças, lançou neste mês um livro infantil, que tem como objetivo "levar os pequenos leitores a refletirem sobre vários aspetos da sua vida, entre os quais, as suas emoções", como adianta a autora.

EMPREENDEDORES ALENTEJANOS EM ENCONTRO EM ÉVORA

A organização do encontro de empreendedores alentejanos é da Fundação Eugénio de Almeida (FEA) e decorre dos cursos de empreendedorismo que aquela instituição tem estado a promover desde 2015. O evento aconteceu pela segunda vez ontem à noite e colocou frente a frente 5 empreendedores com experiências de sucesso e 4 dezenas de jovens que procuram implementar as suas ideias empreendendo.

ALENTEJO: PROJETO REVOLUCIONÁRIO GANHA PRÉMIO SIC ESPERANÇA

A Sociedade do Bem, associação sem fins lucrativos que tem como missão promover a empatia, o altruísmo e a positividade nas crianças através do exemplo, foi distinguida com prémio Por um Bairro Melhor, que une a VISÃO, SIC Esperança e Comunidade EDP.

ANO NOVO, ESCOLA NOVA!

* ou resoluções de ano novo que todos os professores deviam fazer

 

Vem aí a passagem de ano, época de fazer resoluções: perder peso ou adotar um estilo de vida mais saudável são as mais comuns, mas… e um professor? O que decide um professor alterar ou melhorar no ano que entra para que este se transforme no ano da sua vida, para além das resoluções mais comuns que fazem parte da lista? Que objetivos poderá ele definir para si e, consequentemente para a sua sala de aula, para criar um ambiente mais positivo para todos?

ALENTEJO DE EXCELÊNCIA DISTINGUE SOCIEDADE DO BEM

A Associação Alentejo de Excelência volta a organizar o seu tradicional Jantar de Natal Solidário “DAR Alentejo”. O objectivo será apoiar uma instituição social alentejana e de reunir alentejanas e alentejanos de nascimento ou coração num evento filantrópico.

PREPARAR UM FILHO PARA A VIDA

Foi no século XIX que surgiu pela primeira vez o conceito de inteligência emocional, numa obra de Charles Darwin – relacionando-o com o desenvolvimento e adaptação da espécie humana ao meio -, mas só na década de 90 do século XX é que o termo se popularizou e passou a ser tema de best-sellers e alvo de debates a vários níveis.

Páginas