Está aqui

Movimento Juntos pelo Cercal do Alentejo

Reformulação da central solar de Cercal do Alentejo é “pura cosmética”

O Movimento Juntos pelo Cercal criticou a reformulação de “pura cosmética” do projeto de construção da central solar, a ser construída no concelho de Santiago do Cacém, alertando para os prejuízos que vai causar.

Em comunicado, o movimento, citado pela agência Lusa, argumenta que “a reformulação, ao que parece, foi pura cosmética e destinou-se, não a dar resposta aos vários problemas que este projeto acarreta, ao nível da ecologia, da sustentabilidade, da socioeconomia, mas a dar a sensação de que o que estava mal, agora, foi corrigido”.

Grupo de cidadãos contesta prospeção mineira no Alentejo Litoral

O Movimento “Juntos pelo Cercal do Alentejo” contestou a prospeção e pesquisa mineira nos concelhos de Sines, Santiago do Cacém e Odemira, devido aos alegados riscos ambientais e sociais de uma eventual exploração, adianta a Lusa.

Em comunicado, o grupo de cidadãos alertou que a área abrangida por este pedido de prospeção e pesquisa está “em clara sobreposição com a Zona Especial de Conservação da Costa Sudoeste da Rede Natura 2000”.