Está aqui

GPL

Sines pode tornar-se a principal porta de entrada de gás natural na Europa

A convicção é da Redes Energénitas Nacionais (REN) que celebrou em comunicado a entrada do navio número 500 (escalas) este sábado no Porto de Sines para descarregar gás natural no porto alentejano. Sines já é considerada a principal porta de entrada daquela energia no país, já que 55% do Gás Natural Liquefeito (GNL) que entrou no país em 2017 foi feito via Sines, mas a expectativa do porto é subir essa quota para 70% quando as contas foram feitas em referência a 2018.