Está aqui

Educação

Politécnico de Beja com 7 espetáculos em 2020

O Politécnico de Beja volta a ter um programa cultural em 2020 e que contempla 7 grandes espetáculos na terceira edição do "IPBejaDáteArte"

Já confirmados estão os nomes de Marta Gautier, Combo da Escola de Jazz Luiz Villas-Boas, Shout! e Mano a Mano.

Um Natal Pobrezinho Também Por Estes Lados!

1 - A Crónica Falta de Enfermeiros no Distrito de Évora 

 

Segundo a Secção Regional Sul da Ordem dos Enfermeiros, quase todas as unidades de saúde do distrito de Évora têm falta de enfermeiros.  Um dos casos denunciado é referente ao serviço de Urgência Básico de Montemor-o-Novo que tem apenas um médico e uma enfermeira.

Situação, esta, que denunciei há quase dois anos atrás. Tudo na mesma!

A degradação do Serviço Nacional de Saúde no Distrito de Évora é uma realidade extremamente preocupante!

Alandroal está a ensinar Cante, Robótica e Arqueologia às crianças do 1º ciclo

O município de Alandroal tem já em funcionamento a “Academia do Sucesso”, um projeto educativo dirigido às crianças do 1.º ciclo e que pretende fomentar o sucesso educativo, procurando valorizar a cultura local, promover a literacia científica e fomentar as atividades desportivas e culturais para todas as crianças e jovens do concelho.

No Alentejo há uma aldeia com mil heróis

Hoje é 1 de Dezembro, Dia do Restauração da Independência, e várias terras alentejanas viram o seu nome gravado na História neste dia: Vila Viçosa, Évora, entre outras, mas há mais. Há uma aldeia alentejana que neste dia teve mil heróis. Sabe qual é?

Moura e Amareleja inauguram salas de aula do futuro

Moura e Amareleja inauguraram duas Salas de Aula do Futuro - Laboratórios de Aprendizagens, uma na Escola Secundária de Moura e outra na EBI de Amareleja. Segundo o Município de Moura, estas novas salas de aula "visam contribuir para a melhoria do sistema educativo na perspetiva da criação de espaços dinâmicos, apelativos e inovadores".

Alandroal mantém programa que distribui fruta gratuita ao pré-escolar e 1.º ciclo

O Município de Alandroal vai manter o reforço do Programa de Fruta Escolar, como avança em comunicado.

A medida consiste na oferta de fruta escolar e hortícolas duas vezes por semana no ensino pré-escolar e 1º Ciclo em todo o concelho. No ano escolar 2018/2019 o Município alargou a medida ao 1º Ciclo, já que o programa só incluia o ensino pré-escolar.

O início do projeto decorreu de uma candidatura que o município fez ao Instituto de Financiamento de Agricultura e Pescas no final do ano passado e agora vai manter-se-

Universidade de Évora lança tecnologia de precisão para produção de suínos

Uma equipa de investigadores da Universidade de Évora liderada por Vasco Fitas da Cruz (Departamento de Engenharia Rural, investigador ICAAM) desenvolveu, através do projeto AWRTECH, uma ferramenta de zootecnia de precisão para a sustentabilidade da produção de suínos, através de soluções de gestão assentes na monitorização, análise e controlo dos parâmetros ambientais, fisiológicos, comportamentais e produtivos.

Brexit explicado em escolas alentejanas

Há muito que se fala em Brexit. Muito mais se irá falar. Mas o que é realmente o Brexit?

Esta pergunta requereria uma explicação generalizada a grande parte da população e é isso que o Centro de Informação Europe Direct Alto Alentejo, do Instituto Politécnico de Portalegre, vai fazer a alunos de diversas Escolas Secundárias do distrito de Portalegre.

Estas ações de esclarecimento sobre o Brexit têm por objetivo contribuir para o esclarecimento e promoção de uma cidadania europeia mais cativa e na qual os jovens têm um importante papel.

Viana do Alentejo combate insucesso escolar com tablets

O município de Viana do Alentejo delineou um plano de combate ao insucesso escolar e que passa pelo recurso às novas tecnologias. O projeto de combate ao insucesso escolar chama-se “5 Estrelas” e tem uma mascote, o Edu.

Um ponto alto deste projeto foi a entrega de tablets, pelo presidente Bengalinha Pinto, e pelos vereadores João Pereira e Paulo Manzoupo, a alunos do pré-escolar e 1º ciclo do concelho.

O Jogo Tradicional Alentejano como mudança de paradigma pedagógico em contexto educativo

“Estamos numa situação caótica. As nossas crianças estão fechadas, amarradas, em casa, não têm liberdade de ação, não vão a pé para a escola, não brincam na rua. Estamos a viver uma situação insustentável, o que designo por sedentarismo infantil”

Carlos Neto

Páginas