Política Nacional

Pode o exercício do Direito à Greve levar um país à falência? 

Por Jorge Pais, Presidente da Associação Empresarial de Portalegre

 

Todos esperamos que não seja o caso, porque a mal ou a bem, acreditamos que o bom senso acabará por imperar e a anunciada greve dos motoristas, a fazer-se, não se prolongará por «tempo ilimitado». Mas, pode! E se assim fosse, uma greve de meses, deixaria realmente o país à beira da falência, obrigando de novo o «bom povo» do costume a apertar o cinto, talvez para níveis nunca vistos... 

Beja é o distrito nacional onde faltam mais medicamentos

Beja é mesmo o distrito nacional onde faltam mais medicamentos nas farmácias. O problema é transversal a todo o país, especialmente no interior, o mais afetado com a indisponibilidade para entrega imediata de medicamentos nas farmácias.

O distrito alentejano conta mesmo com mais do dobro da média nacional de doentes que foram obrigados a interromper tratamentos por falta de medicamentos, segundo dados de um inquérito da Associação Nacional de Farmácias.

Dia Internacional da Juventude celebrado no Alentejo

A 12 de agosto celebra-se o Dia Internacional da Juventude, uma resolução da Assembleia Geral da ONU em 1999, em resposta à recomendação da Conferência Mundial de Ministros responsáveis pela Juventude, reunida em Lisboa, de 8 a 12 de agosto de 1998.

Definido pelo Secretário-Geral das Nações Unidas, António Guterres, este ano, o tema central das celebrações será: «Educação Transformadora».

Nós, Cidadãos! já tem candidato por Beja

O Nós, Cidadãos! já tem candidato por Beja às Legislativas 2019: Rui Nascimento.

Empresário, de 58 anos, Rui Nascimento, residente em Évora, irá assim liderar o “Nós” por Beja nas eleições de 6 de outubro.

Foi dirigente da Associação de Estudantes e já vivei e exerceu a sua atividade profissional em Inglaterra, França, Angola, Moçambique, Equador e China.

Linha de Vendas Novas pode ser realidade ainda este ano

A linha ferroviária de Vendas Novas pode vir a ser uma realidade ainda este ano, apesar de estar fora do plano Ferrovia 2020.

A Infraestruturas de Portugal – IP pode avançar para este investimento de cerca de 100 milhões de euros e lançar ainda este ano o concurso para a linha de Vendas Novas.

Além desta linha a IP considera avançar ainda dentro do atual quadro comunitário para novos projetos que estão fora do Ferrovia 2020, aprovado em 2016.

 

Imagem de wikimedia.org

Eixo ferroviário de Évora recebe 3 dos 5 maiores concursos públicos da década

O Governo adjudicou cinco dos maiores concursos públicos da década em apenas três meses e a linha ferroviária de Évora é a mais beneficiada como avança hoje o Dinheiro Vivo.

A despesa pública contratada junto de empresas e entidades privadas (investimentos e gastos correntes) atingiu, no primeiro semestre deste ano, o valor mais elevado de que há registo, cerca de 3,7 mil milhões de euros, indicam os contratos publicados pelo governo no Portal Base até ao final de junho.

Pedreiras de Borba falham entrega de projeto de segurança

Os proprietários das duas pedreiras de Borba onde uma derrocada matou 5 pessoas em novembro de 2018, falharam a entrega dos projetos de segurança e estabilização das pedreiras, segundo avança hoje a TSF. As pedreira não conseguiram entregar dentro do prazo os estudos e projetos para garantir a segurança e estabilização das pedreiras, o que pode resultar agora numa queixa do Estado junto do Ministério Público.

Meritocracia paga?

Esta semana o CDS apresentou uma proposta para o preenchimento das vagas que porventura restem após a realização do concurso de acesso ao ensino superior.

Segundo os centristas, a solução passaria por pagar o acesso ao ensino superior o que, resumindo, consiste em comprar uma vaga.

Aqui temos mais uma prova do elitismo centrista em que, apenas quem tenha dinheiro, poderá ter uma segunda oportunidade de acesso ao ensino superior.

Ordem volta a alertar para a falta de enfermeiros no Alto Alentejo

A Ordem dos Enfermeiros voltou a denunciar hoje uma alegada falta de enfermeiros nos serviços públicos de saúde do Alto Alentejo

“A falta de enfermeiros no Serviço Nacional de Saúde (SNS) no Alto Alentejo é um problema grave”, disse hoje à agência Lusa o presidente da Secção Regional do Sul da Ordem dos Enfermeiros, Sérgio Branco, que refere existirem em média naquela região sete enfermeiros para cada mil habitantes, número abaixo do defendido pela OCDE, que estabelece como referência 9,3 enfermeiros por cada mil habitantes.

"Aeroporto de Beja não pode ser desperdiçado"

O presidente do partido Aliança, Pedro Santana Lopes, esteve ontem em Beja para defender que o País não deve desperdiçar uma infraestrutura como o aeroporto de Beja, considerando também que o seu aproveitamento depende somente de "vontade política".

“Era bom saber o que pensa cada partido sobre isto. Se calhar, na altura de eleições, vem tudo aqui dizer que é favor de Beja e do aeroporto de Beja, mas tem que ser na legislatura toda e depois, estando no Governo, tomar as decisões”, acrescentou Santana Lopes

Páginas