Está aqui

Exposições

Serpa: Exposição sobre Anne Frank lembra o horror e as vítimas do nazismo

Serpa tem uma extraordinária exposição sobre a história de Anne Frank, desenhada pela Anne Frank House de Amsterdão, Holanda, e que leva-nos, através da perspetiva da família da adolescente alemã de origem judaica, a compreender ou pelos menos aproximarmo-nos disso, à história das vítimas do Holocausto, perpetrado pelo regime nazi, na Alemanha da II Grande Guerra.

Odemira lança concurso nacional de banda desenhada com prémios em dinheiro

O 14º Concurso Nacional de Banda Desenhada de Odemira marca o início das atividades da BDTECA – Mostra de Banda Desenhada de Odemira. O prazo para entrega de trabalhos decorre até ao dia 14 de fevereiro, sendo dirigido a maiores de 16 anos e com tema livre.

Música Checa abre em Vidigueira a temporada do Festival Terras sem Sombra

O grupo Tiburtina Ensemble apresenta-se na Igreja Matriz de São Cucufate, em Vila de Frades (Vidigueira), no próximo dia 18 de janeiro, pelas 21h30.

Odemira dedica dois meses à Banda Desenhada

A 14ª edição da BDTECA – Mostra de Banda Desenhada de Odemira decorre entre os meses de janeiro e março de 2020, na Biblioteca Municipal José Saramago, numa iniciativa promovida pelo Município de Odemira, em parceria com a Sopa dos Artistas – Associação Local de Artistas Plásticos.

Batalha das Linhas de Elvas foi há 361 anos

Em janeiro de 1659, o exército espanhol, de Filipe IV, comandado por D. Luís de Haro, acampava na fronteira do Caia, com 14 mil homens de infantaria, 5 mil de cavalaria, 19 canhões e 3 morteiros (155 mm.) de artilharia. Surpreendentemente foram atacados pelo exército português a 14 de janeiro e pouco mais de 5 mil conseguiria chegar a Badajoz.

Os 361 anos da Batalha das Linhas de Elvas, na Guerra da Restauração, são celebrados este mês de janeiro com um programa tão abrangente quanto eclético.

Descante – A desconstrução do Cante Alentejano pela arte

Viana do Alentejo está a celebrar o 122º aniversário da Restauração do Concelho e inaugura no próximo dia 11, no Paço dos Henriques, em Alcáçovas, a partir das 18h00, a exposição coletiva itinerante “Descante – A desconstrução do Cante Alentejano”, promovida pela Fora da Gaveta – Associação de Promoção e Educação pelas Artes.

Elvas está a pedir fotografias antigas à população para fazer museu etnográfico

O município de Elvas encontra-se na reta final da construção do Museu de Arqueologia e Etnografia António Tomás Pires, em resultado da adaptação do edifício da antiga Manutenção Militar, e está a solicitar à população fotografias antigas daquele concelho alentejano, para o complementar.

Com este sol em Évora é aproveitar o primeiro dia do novo ano na rua

A temperatura está amena e o sol promete ficar à vista todo o dia por isso e se começa a pensar no que fazer depois de uma noite de farra em Évora, sugerimos que salte para a rua. Embora o centro histórico mantenha grande parte das lojas encerradas, assim como os restaurantes, há sempre algumas abertas, e alguns cafés. A nossa sugestão é que caminhe com a família pelos inúmeros jardins daquela velha cidade alentejana e aproveite a oportunidade para visitar uma exposição de Sebastião Salgado, colocada na rua, junto ao templo romano.

Roncas expostas em Elvas

São dezenas as roncas expostas na Casa da Cultura de Elvas.

Este é um instrumento típico da época natalícia e essencial nos cantares do Natal de Elvas e que são agora homenageadas com esta exposição, patente até 6 de janeiro.

Organizada pela Associação Juvenil Arkus, esta mostra – com entrada livre - está integrada na programação de Natal preparada pela Câmara Municipal de Elvas e conta com dezenas de roncas, para todos os gostos, feitios, materiais e tamanhos além de várias fotografias do Grupo de Roncas d’ Elvas.

Jornal espanhol sugere os três melhores museus alentejanos aos turistas "nuestros hermanos"

O artigo surge no cronicaeconomica.com e defende que viajar para o Alentejo é "descobrir uma das regiões mais bonitas de Portugal", sublinhando a natureza, o turismo rural e gastronomia como os pontos fortes do turismo no Alentejo. Mas revela que o turismo cultural é igualmente valioso no nosso território, elencando os três melhores museus de toda a região, dois no Alto Alentejo e um no Baixo Alentejo.

Páginas