Está aqui

Curiosidades

Évora procurou "inspiração para um mundo melhor"

Este foi o quarto ano consecutivo em que a Fundação Eugénio de Almeida (FEA) promoveu um evento IGNITE Portugal.

Estes eventos surgiram em Seattle nos Estado Unidos, há cerca de 13 anos, e foi trazido para Portugal, em 2009, por Miguel Muñoz Duarte, empreendedor e docente em empreendedorismo.

O tema proposto desta edição – que decorreu no dia 11 - foi “powering a better future” e foram convidados oradores que fossem verdadeiramente inspiradoras em áreas importantes e distintas como o ambiente, o desenvolvimento social, a educação ou as tecnologias, entre outras.

O alentejano que batizou a Austrália

Reza a História que Pedro Fernandes de Queirós, terá nascido em Évora, por volta de 1565 e que terá morrido no Panamá.

Dito assim, sem mais, já será bastante estranho que, há época, um alentejano tenha vindo a morrer no Panamá. Mas Pedro era navegador explorador ao serviço da coroa espanhola - o que levou a ser conhecido por ou Pedro Fernández de Quirós - que terá sido um dos primeiros europeus a navegar pelos mares da Oceânia, como piloto de Álvaro de Mendaña de Neira , nas explorações do sudoeste do Oceano Pacífico.

Alentejo ainda em força na batalha dos doces

Portalegre já teve os seus doces a votação até ao passado dia 11; os de Beja estarão até dia 22 e os de Évora até 24. São ainda muitos os representantes alentejanos nesta batalha de doces.

A concurso no “7 Maravilhas Doces de Portugal”, de Portalegre, estiveram a votação as Ameixas e o Sericaia de Elvas, o Pastel de Castanha de Marvão, os Rebuçados de Ovo, a Boleima, os Fartes e o Queijo Dourado de Portalegre.

Mourão promove Festival Ibérico do Gaspacho

Se há uma década dissesse-mos que em 2019 Mourão teria uma praia, poucos iriam acreditar, mas tem, e é nessa praia que vai decorrer a primeira edição do Festival Ibérico do Gaspacho.

Símbolo e marca da gastronomia e cozinha alentejana, o gaspacho (ou muitas vezes “caspacho”), vai ter direito a um festival ibérico. A primeira edição será na praia fluvial de Mourão, este fim de semana, e o caldo de água fria, pão, azeite, sal, vinagre e tomate (como base – existem depois muitas variantes) serão os ingredientes reis da festa!

Novas descobertas geram entusiasmo arqueológico no Alentejo

Marvão, Moura, Alandroal e Reguengos de Monsaraz estão a ser palco nos últimos dias de valiosas descobertas arqueológicas por um lado e de uma aproximação da população e visitantes por outro à riqueza arqueológica da região, aspetos que pelo menos não têm merecido nos últimos anos grandes referências na comunicação social.

Chocalhos, cães, animais de pasto e máquinas agrícolas na feira da alma alentejana

O chocalho, património da humanidade UNESCO, tem uma feira dedicada em Alcáçovas, no Concelho de Viana do Alentejo. O evento, que é mais do que uma feira e os organizadores preferem descrevê-la como uma grande homenagem à paisagem e tradição rural alentejana, por onde vagueiam bovinos, caprinos, equinos, ovinos e muares, animais representativos do uso do chocalho e da “paisagem sonora” alentejana e as máquinas agrícolas.

Alentejano Pedro Caixinha realiza feito inédito no México

O treinador de futebol Pedro Caixinha, natural de Beja, realizou um feito inédito no México ao conquistar 4 títulos no mesmo ano.

O “Poker” de Caixinha, ao serviço do Cruz Azul, foi conseguido esta madrugada quando a sua equipa bateu o Necaxa por 4-0 e conquistou a Supertaça do México, juntando-a ao campeonato, taça, taça do campeão dos campeões.

Casa em Alcácer do Sal vence prémio de arquitetura internacional

A “Casa 3000”, com projeto do arquiteto Luís Rebelo de Andrade e situada na Herdade da Considerada, no concelho de Alcácer do Sal, foi distinguida nos prémios de arquitetura da conceituada plataforma internacional online Architizer A+, na categoria Conceitos - Plus - Arquitetura + Cor.

Queremos encontrar os nadadores que nos salvaram a vida numa praia alentejana

Nota do Editor: Um casal italiano contatou-nos há uns dias por mail porque queria muito encontrar dois nadadores salvadores que lhes salvaram a vida este ano, na praia do Malhão, Odemira. Deram com o nosso jornal através de uma peça que coincidentemente havíamos publicado nesse dia, duas horas antes, a propósito do Malhão.

Elvas: Aficionados querem substituir o nome do Coliseu Rondão de Almeida pelo de Joaquim Bastinhas

Um grupo de aficionados das touradas lançou uma petição pública para pedir ao Município de Elvas que substitua o nome ao Coliseu daquela cidade alentejana pelo de Joaquim Bastinhas, o empresário e toureiro falecido a 31 de dezembro do ano passado.

A petição, que tem perto de 3 mil subscritores, pede a substituição do nome Coliseu Rondão de Almeida, nome do comendador e ex-presidente daquela autarquia, pelo de Joaquim Bastinhas, a quem estava entregue a exploração daquela praça.

Páginas