Está aqui

Cultura

NICOLAU BREYNER - UM ALENTEJANO DO TAMANHO DO MUNDO

O Alentejo perdeu dos um seus nomes mais consagrados. Nicolau Breyner, um nome incontornável da arte, do espetáculo e televisão portuguesa partiu hoje, aos 75 anos, vítima de um ataque cardíaco.

Nascido em Serpa em 1940, João Nicolau de Melo Breyner Lopes passou a sua infância no Alentejo e acabaria por mudar-se para Lisboa, onde canto na Juventude Musical Portuguesa e ingressou, mais tarde na Faculdade de Direito de Lisboa, uma aventura curta pois acabaria por entrar no Conservatório Nacional para um curso de canto e, posteriormente, de teatro.

“A ODE ETERNA” APRESENTADA EM ÉVORA

A “Ode Eterna”, a primeira obra do eborense Cláudio Sousa, foi ontem apresentada na Biblioteca Pública de Évora.

Com dezenas de pessoas presentes – facto que surpreendeu e foi digno de referência quer pela representante da Chiado Editora, quer da Biblioteca Pública de Évora – Cláudio Sousa apresentou uma obra que foi escrita ao longo de mais de uma década, o que proferiu à mesma um forte cunho pessoal e sentimental do autor, facto referido pelo orador Jorge Branquinho, amigo do autor.

ÉVORA CRIA ROTEIRO DE “APARIÇÃO”

Em ano de centenário do nascimento de Vergílio Ferreira, Évora vai criar um roteiro baseado na obra “Aparição” e que vai “recriar” os espaços e locais percorridos pelo sujeito poético nesta conhecida obra literária e até os espaços onde o próprio Vergílio Ferreira passou.

“ALENTEJO E EXPRESSÕES” EM EXPOSIÇÃO

Costa Araújo, artista plástico, expõe em Monsaraz (Évora) um conjunto de obras a que atribuiu o título de “Alentejo e Expressões”.

Patente de 5 de março a 1 de maio, na Igreja de Santiago - Galeria de Arte, na vila medieval de Monsaraz, esta exposição é uma organização do Município de Reguengos de Monsaraz e integra o ciclo de exposições Monsaraz Museu Aberto.

FESTIVAL ALENTEJANO DESTAQUE NOS IBERIAN MUSIC AWARDS

O Flower Power Fest, realizado em Vila Nova de Santo André (Santiago do Cacém) e que é uma simulação do mítico festival de Woodstock (Estados Unidos) e esteve em evidência na 1.ª edição dos Iberian Music Awards.

O festival realizado no Alentejo Litoral venceu as duas categorias para que estava nomeado: Best New Festival (em Portugal) e Best Small Festival (na Península Ibérica).

A cerimónia de entrega de prémio decorreu no Salão Internacional de Lisboa (FIL), na noite de quinta feira, dia 3.

JAZZFEST, DISCO E VINHOS EM PORTALEGRE

Vai para a sua 13.ª edição e reúne em media mais de um milhar de indefectíveis do Jazz. Falamos do Portalegre JazzFest, que começa a 11 de Março e termina a 19 de Março. Serão dois fins-de-semana com concertos no Centro de Artes e Espetáculos de Portalegre, de onde se destacam o Carlos Martins Quarteto, que atua a 12 de Março e o Eric Revis Trio, que sobe ao palco a 18 de Março.

MINISTRO JOÃO SOARES VISITOU VIANA DO ALENTEJO

O ministro da cultura, João Soares, visitou ontem, segunda-feira, o Paço dos Henriques, em Viana do Alentejo, recentemente requalificado. Acompanhado pela Diretora Regional de Cultura do Alentejo, Ana Paula Amendoeira, João Soares visitou ainda o Jardim das Conchas “Horto do Paço” e a Capela de N.ª Sr.ª da Conceição.

ALENTEJO VIU PARTIR 1.ª LIGAÇÃO AÉREA A MACAU

Foi a 7 de Abril de 1924 que Brito Paes, Sarmento de Beires e Manuel Gouveia, com o mesmo espírito aventureiro e pioneiro que haviam tido dois anos antes Gago Coutinho e Sacadura Cabral, partiram para a ligação aérea Portugal / Macau, cujo sucesso foi largamente noticiado, tendo os seus autores sido recebidos como heróis em vários locais do mundo. A iniciativa arrancou de Vila Nova de Milfontes, a bordo de um avião designado por Pátria, antecedidade de meses de preparação.

VOLTA A ÉVORA EM 70 DIAS

A iniciativa Volta a Évora em 70 dias não envolverá o aventureiro Phileas Fogg, pois não se trata de uma sequela da mítica obra literária de Jules Verne, consiste sim num conjunto de visitas para dar a conhecer melhor aos alunos do 1º Ciclo do Ensino Básico o património do Concelho.

É uma parceria da Câmara Municipal de Évora, dos os Agrupamentos de Escolas e dos agentes da cidade, e insere-se no âmbito das Atividades de Enriquecimento Curricular (AEC).

MESTRE CUTILEIRO DOA ESPÓLIO A ÉVORA

A cidade e a cultura alentejana ficam hoje mais ricas quando, na presença do Ministro da Cultura João Soares, o escultor e artista plástico João Cutileiro doar o seu espólio à cidade de Évora, mais concretamente à Direção Regional de Cultura do Alentejo, à Universidade de Évora e à Câmara Municipal.

João Cutileiro com 78 anos, nasceu em Lisboa, mas escolheu, em 1985, Évora e o Alentejo para viver e trabalhar. Évora é também a cidade onde está exposta a maior parte da sua obra.

Páginas