Está aqui

Cinema

ALCÁCER DO SAL MERGULHA NAS FÉRIAS DE VERÃO

Este verão as crianças e jovens de Alcácer do Sal poderão ocupar os seus tempos livres de forma lúdica e com imensa diversão, através de várias atividades culturais e desportivas, até setembro. O município mergulha assim nas férias de verão dos mais novos, com o programa desportivo “Alcácer em Movimento”, que arrancou a 15 de junho.

SARAMAGO LIGA O ALENTEJO AO MUNDO

Tudo nasceu de um convite de um grupo de estudantes italianos a José Saramago, durante uma visita ao Alentejo, para ir conhecer a sua cidade, Pontedera, na Toscana, em 1992. Um intercâmbio cultural entre Portugal e Itália que o escritor apadrinhou oferecendo-lhes os direitos de autor em Itália do seu livro “O ano de 1993”. A 24ª edição do Festival Sete Sóis Sete Luas, que atualmente se estende a 30 cidades e 11 países do Mediterrâneo e do norte de África, vai estar presente, entre 24 de junho e 9 de setembro, nos municípios como Ponte de Sor, Alfândega da Fé, Oeiras, Odemira e Castro Verde, com concertos, teatro, dança e degustações. Aqui, a “passarola”, uma máquina voadora inventada pelas personagens que emprestam nome ao evento, é o símbolo desta diluição de fronteiras através da Cultura.

FESTIVAL DE CINEMA DE BADAJOZ ESCOLHE 4 CURTAS PORTUGUESAS

O 22º Festival Ibérico de Cinema de Badajoz, que todos os anos mostra as melhores curtas-metragens de Espanha e de Portugal, selecionou quatro curtas-metragens portuguesas: “Os barcos”, de Dominga Sotomayor; “Maria do Mar”, de João Rosas; “Vigil”, de Rita Cruchinho; e “Yulya”, de André Marques. Organizado por Tragaluz e com o patrocínio da Junta da Extremadura, Filmoteca da Extremadura, Gabinete de Iniciativas Transfronteiriças, Consórcio López de Ayala, Diputación de Badajoz, CEXECI, Fundação Caja Badajoz, Delta Cafés e a Câmara Municipal de Badajoz, o festival terá lugar de 20 a 24 de Julho, no Teatro López de Ayala desta cidade espanhola.

VIANA DO ALENTEJO PREMEIA PEQUENOS REALIZADORES

Quando inventaram o cinematógrafo, os irmãos Lumiére, que não acreditavam sequer na subsistência do cinema, estariam longe de prever que cem anos depois os alunos do concelho de Viana do Alentejo estariam a apresentar curtas-metragens no festival “Lumiére”. Este evento, homónimo dos pais do cinema, decorreu no passado dia 29 de maio, no Cineteatro Vianense, no âmbito do desenvolvimento das atividades de enriquecimento curricular e que contou com a participação de todas as turmas de 1º ciclo do Agrupamento de Escolas de Viana do Alentejo.

NA CASA DO CAFÉ O DIA É DAS CRIANÇAS

O Centro de Ciência do Café (CCC) na Herdade das Argamassas, em Campo Maior, assinala hoje o Dia Mundial da Criança com atividades lúdicas e espetáculos a pensar nos mais novos. As atividades vão decorrer entre as 14h e as 19h. Neste dia as crianças terão à sua disposição insufláveis, uma pista de karts, discoteca, jogos radicais, uma oficina científica, pinturas faciais e a Oficina da Flor.

VOLTAM A OUVIR-SE SONS NA PEDREIRA

Os três anos anteriores saldaram-se como um enorme sucesso desta iniciativa “Pedreira dos Sons” que tem vindo a trazer grandes espetáculos a Viana do Alentejo (Évora).

Aproveitando uma pedreira e as suas condições acústicas únicas e que a transformam numa sala de espetáculos natural e ao ar-livre, a edição 2016 acontecerá já nos próximos 20 e 22 de maio.

NOVO FILME DE TRÉFAUT RODADO EM BEJA

O realizador Sérgio Tréfaut - nascido em São Paulo (Brasil) – está a filmar em Beja o seu próximo filme “Seara de Vento”, baseado na obra do alentejano Manuel da Fonseca, escrita em 1958.

O realizador Sérgio Tréfaut – que tem também as nacionalidades francesa e portuguesa – ficou mais conhecido recentemente por ter sido o autor de “Alentejo, Alentejo”, o documentário sobre o Cante e o Alentejo e que serviu de fator promotor do Cante Alentejano a Património Mundial da UNESCO.

ÉVORA: FESTIVAL INÉDITO QUER ENTRAR-LHE EM CASA

O Festival CONDOMÍNIO, já com seis edições em Lisboa, arrisca agora a sua primeira edição em Évora. A 16 e a 17 de Abril a cidade envolve-se num conceito cultural novo e que acontece em sua casa. Surpreendido?

REALIZAÇÃO, COMO FAZER BEM COM POUCO?

O IPBeja, está a organizar uma conferência sobre o papel do realizador. A Conferência "realiza-se" amanhã, dia 26 de novembro, pelas 15h, no Auditório da Escola Superior te Tecnologia e Gestão de Beja e conta com a participação do realizador português Ricardo Espiríto Santo.

Em debate estarão essencialmente o papel do realizador, a carreira, o seu reconhecimento, os orçamentos e a quantidade versus a qualidade.

FESTA DO CINEMA FRANCÊS EM BEJA

A Festa do Cinema Francês chega a Beja, de 17 a 22 de Novembro, naquela que será a sua 16ª edição. As sessões estão marcadas para as 21h30, no Pax Julia Teatro Municipal e têm o apoio da Embaixada de França, o Institut Français du Portugal e a Alliance Française.

 

Páginas