Está aqui

Hospital do Espírito Santo de Évora

SECRETÁRIA DE ESTADO PARA A CIDADANIA E A IGUALDADE NO ALENTEJO

A Secretária de Estado para a Cidadania e a Igualdade, Catarina Marcelino, vai estar no Alentejo, em Évora, amanhã, 26 de junho, para participar na sessão de encerramento da conferência “Desafios na Proteção de Crianças e Jovens - O debate intersectorial e interdisciplinar «Explorar os caminhos (não) percorridos»”

JOVEM MÉDICA DO HOSPITAL DE ÉVORA PREMIADA

Uma jovem médica de medicina interna do Hospital Espírito Santo de Évora foi galardoada com o Prémio Professor Jorge da Silva Horta, um prémio que pretende distinguir os melhores trabalhos publicados sobre investigação clínica de jovens médicos e que teve, em 2016, a sua primeira edição.

Vera Sarmento foi premiada por um artigo - “Past trends and projections of hospital deaths to inform the integration of palliative care in one of the most ageing countries in the world” – que incide na nas mortes em hospitais e nos cuidados paliativos prestados em Portugal.

 

ALENTEJO NA VANGUARDA DOS CUIDADOS CONTINUADOS

Começou a ser testada, em Évora, uma experiência inovadora na área dos cuidados continuados e que pretende uma melhoria do acompanhamento e cuidados aos doentes que poderão ser acompanhados profissionalmente, durante 24 horas, no seu domicílio.

Para garantir este serviço estará uma equipa de 15 profissionais de cuidados continuados integrados que vão acompanhar, nesta fase, 25 pacientes.

GOVERNO ASSEGURA UNIDADE DE NEONATOLOGIA DE ÉVORA

Após a Rede de Referenciação Hospitalar em Saúde Materna, da Criança e do Adolescente ter proposto o encerramento da unidade de neonatologia do Hospital do Espírito Santo de Évora, o que deixaria o Alentejo sem cuidados intensivos neonatais, o Ministério da Saúde assegurou a manutenção da unidade contrariando assim a proposta do grupo de trabalho, que se encontra em consulta pública até ao final do mês.

ALENTEJO PODE PERDER UNIDADE DE CUIDADOS INTENSIVOS NEONATAIS

Se a proposta da nova rede nacional de referenciação materna e da criança avançar nos moldes em que está definida, o Alentejo pode ficar sem unidade de cuidados intensivos neonatais em breve. O que implicará que bebés prematuros com muito baixo peso, com 700 ou 800 gramas, tenham que ser transferidos de ambulância para Lisboa, apesar do Hospital do Espírito Santo de Évora dispor de recursos humanos e de equipamentos para dar resposta a estas crianças, segundo Hélder Ornelas, coordenador da unidade de neonatologia daquela unidade de saúde alentejana.

MARIA FILOMENA MENDES VOLTA AO HOSPITAL DE ÉVORA

Maria Filomena Mendes foi escolhida pelo Governo para presidir ao conselho de administração do Hospital do Espírito Santo de Évora (HESE), cargo que já ocupou entre 2009 e 2013. Além da escolha da nova presidente do conselho de administração do HESE, o Governo nomeou para vogais executivos Isabel Pita, como diretora clínica, Francisco Chalaça e Luís Cavaco, mantendo-se da anterior administração o enfermeiro-diretor José Chora.

NOVA TÉCNICA CURATIVA NASCE NO ALENTEJO

Foi no Serviço de Urologia do Hospital do Espírito Santo de Évora (HESE) que se desenvolveu e foi apresentada, esta semana, uma nova técnica curativa para a incontinência urinária de urgência. O HESE é também o único centro hospitalar em Portugal onde se trata a incontinência urinária de urgência.